//

Ministério Público

Na última semana, a boneco Momo ressurgiu no centro de uma polêmica, quando vídeos infantis passaram a ser interrompidos pela personagem com orientações para que as crianças se suicidassem. O assunto tomou proporções tão grandes que o MP-BA (Ministério Público da Bahia) notificou tanto o Google quanto o WhatsApp para que impeçam a difusão da imagem da boneca.
A notificação partiu do Nucciber (Núcleo de Combate a Crimes Cibernéticos) do MP-BA, que decidiu agir diante da repercussão que o caso tomou nos últimos dias. Em contato com o site G1, o promotor Moacir Nascimento, admitiu que, no entanto, não há casos registrados de jovens que tenham se ferido por seguirem as orientações apresentadas nos vídeos.
Fonte G1
Share on Google Plus

About Portal Cidade do Sol

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário